Navigation

América Latina se aproxima do pior momento da pandemia de COVID-19, alerta OMS

Mulher com máscara facial usa o smartphone durante o lockdown imposto pelas autoridades para evitar a expansão da pandemia do novo coronavírus em Buenos Aires, Argentina, 15 de abril de 2020 afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 22. abril 2020 - 22:52
(AFP)

A Organização Mundial da Saúde (OMS) disse na quarta-feira que a América Latina está prestes a experimentar o pior momento da pandemia de coronavírus e que os países da região devem expandir suas capacidades de detecção de vírus.

"O epicentro da epidemia está se mudando da Europa para as Américas, o que nos deu tempo para nos preparar para o que está por vir", disse Cristian Morales, representante no México da Organização Mundial da Saúde (OMS) e da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), em uma coletiva de imprensa virtual.

"O que não é tão benéfico e o que não podemos escapar é que estamos prestes a experimentar o pior momento da epidemia na região e no México", acrescentou.

Morales recomendou que os países expandam suas capacidades de detecção de vírus nos níveis nacional e local.

"Essa é a direção para qual devemos apontar e devemos manter o distanciamento física", afirmou.

Antonio Molpeceres, coordenador residente do Sistema das Nações Unidas no México, disse que a reconversão de hospitais deve ser acelerada para enfrentar a pandemia.

"Há também outras (medidas) que eu gostaria de destacar, a primeira é a necessidade de acelerar a reconversão de hospitais e serviços de saúde no país, para enfrentar a epidemia do COVID 19", afirmou o funcionário.

O México, que até agora registrou mais de 8.700 casos confirmados de coronavírus e mais de 700 mortes, elevou o nível de alerta de saúde na terça-feira devido a um rápido aumento no número de infecções.

Ao mesmo tempo, as autoridades mexicanas adquiriram vários suprimentos médicos da China para atender à emergência.

Apesar disso, houve protestos dos funcionários da saúde, que afirmam não possuir material de proteção adequado para o trabalho.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.