Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Curiosos observam os danos à mesquita

(afp_tickers)

Onze pessoas morreram nesta segunda-feira em um atentado suicida contra uma mesquita xiita ao leste de Bagdá, anunciaram fontes médicas e as forças de segurança.

O atentado, que também deixou 32 feridos, aconteceu três dias depois de um ataque que deixou 70 mortos em uma mesquita sunita ao nordeste da capital iraquiana, o que aumentou a tensão religiosa e provocou confrontos entre sunitas e xiitas.

Até o momento não foi estabelecido um vínculo claro entre os dois ataques. Os extremistas sunitas atacam regularmente os xiitas, majoritários no Iraque e que consideram apóstatas.

O Iraque é cenário desde 9 de junho de uma ofensiva dos insurgentes sunitas liderados pelos jihadistas do Estado Islâmico (EI), que assumiram o controle de territórios em cinco províncias do país e provocaram a fuga de dezenas de milhares de pessoas.

AFP