Navigation

Brasil e Paraguai reabrem fronteiras terrestres entre os dois países

Militares bloqueiam acesso à Ponte da Amizade em Ciudad del Este, Paraguai, na fronteira com o Brasil, 18 de março de 2020 afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 15. outubro 2020 - 22:45
(AFP)

Brasil e Paraguai reabriram nesta quinta-feira (15) suas três principais fronteiras terrestres após mais de seis meses de fechamento devido à pandemia da covid-19, anunciaram os dois países em comunicado conjunto.

O texto destaca “a importância da reativação do comércio fronteiriço, especialmente para a preservação dos postos de trabalho”.

O Ministério das Relações Exteriores do Brasil revelou, em nota, que serão reabertas as fronteiras que ligam as cidades de Foz do Iguaçu (Brasil) e a Ciudad del Este (Paraguai), Ponta Porá (Brasil) e Pedro Juan Caballero (Paraguai) e Mundo Novo (Brasil) e Saltos del Guaira (Paraguai).

"Nossas fronteiras (...) já estão abertas. Vamos cuidar uns dos outros e sejamos responsáveis com as medidas sanitárias”, declarou por sua vez o presidente paraguaio, Mario Abdo Benítez.

O chefe de Estado paraguaio agradeceu ao presidente Jair Bolsonaro "por sua colaboração para a reabertura das fronteiras terrestres".

O comunicado também informa que os dois países "acordaram que cada país empregará os protocolos sanitários, em conformidade com suas respetivas legislações, para evitar a propagação da covid-19".

Ciudad del Este, fronteiriça com Foz de Iguaçu, mobiliza em tempos normais cerca de 20.000 veículos por dia que atravessam a Ponte da Amizade, erguida sobre o rio Paraná.

Cerca de 10.000 trabalhadores brasileiros de Foz de Iguaçu cruzam diariamente a fronteira para ganhar a vida em Ciudad del Este, que conta com 20.000 comércios.

A pandemia paralisou este intercâmbio e a população das duas cidades fez várias manifestações de rua entre agosto e setembro para pressionar pela reabertura da fronteira terrestre entre os dois países.

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.