Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Maio) Bill e Hillary Clinton participam de uma cerimônia no National September 11 Memorial Museum, em Nova York

(afp_tickers)

Bill e Hillary Clinton arrecadaram mais de 1 bilhão de dólares durante a vida política nas últimas duas décadas, uma grande vantagem para a ex-secretária de Estado se ela desejar disputar a Casa Branca em 2016, informou o Wall Street Journal.

O casal conseguiu arrecadar a quantia graças a "campanhas, palestras pagas e uma rede de organizações que promovem suas metas", destaca o jornal.

"Os laços profundos garantem a Sra. Clinton uma vantagem financeira para as eleições presidenciais de 2016, caso decida se candidatar, e pode levar doadores da indústria para o Partido Democrata pela primeira vez desde que o Sr. Clinton deixou a Casa Branca".

Os republicanos podem alcançar cifras similares, mas temem que Clinton e sua provável indicação como candidata democrata a levem a liderar a arrecadação "na próxima disputa presidencial, que deve superar os dois bilhões de dólares gastos em 2012", completa o jornal.

"Clinton Inc. será a operação de arrecadação mais formidável dos democratas na história do país", afirmou Rick Hohlt, lobista e arrecadador para os candidatos republicanos.

"Claro que preocupa", admitiu.

No total, os Clinton arrecadaram mais de dois bilhões de dólares, incluindo doadores privados, contribuintes corporativos e governos estrangeiros, segundo o WSJ. Entre 1,3 e dois bilhões são procedentes exclusivamente do setor industrial.

Sobre a fortuna pessoal, Hillary afirmou ao canal ABC durante uma viagem para promover seu livro "Hard Choices" que a família deixou a Casa Branca "não apenas quebrada, mas com dívidas".

"Não tínhamos dinheiro quando saímos e lutamos para juntar dinheiro para as hipotecas, as casas, para a educação de Chelsea (filha do casal). Sabe, não foi fácil", disse.

Mais tarde, ela afirmou que a escolha das palavras não foi inteligente e insistiu que seus registros falam por conta própria.

O Wall Street Journal afirma que a fortuna dos Clinton aumentou nos últimos anos.

"Ao fim de 2012, os Clinton possuíam entre cinco e 25,5 milhões de dólares, segundo os registros financeiros oficiais mais recentes, divulgados quando Hillary Clinton era secretária de Estado. Dados precisos não são exigidos pelo governo", completa o jornal.

AFP