Navigation

Colômbia vai comprar vacina da AstraZeneca

(Julho) Agentes funerários removem corpo de suposta vítima da Covid-19 de sua residência, na cidade colombiana de Cali afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 17. dezembro 2020 - 01:26
(AFP)

A Colômbia anunciou nesta quarta-feira que irá investir 82 milhões de dólares em um primeiro lote de vacinas contra a Covid-19, no momento em que o país volta a contabilizar 200 mortes por dia causadas pela doença.

Os recursos serão destinados "à aquisição da candidata a vacina da empresa AstraZeneca", informou o Ministério da Fazenda. Segundo o presidente Iván Duque, sua meta é iniciar o processo de vacinação entre janeiro e fevereiro de 2021, com trabalhadores da área médica, idosos e pessoas com comorbidades, que somam cerca de 14 milhões.

O novo coronavírus já infectou mais de 1,4 milhão de pessoas e causou quase 40 mil mortes na Colômbia. Não foi informado quantas doses o país comprará da AstraZeneca, nem quando o imunizante chegará à Colômbia, mas o governo afirmou que receberá 20 milhões de doses na segunda metade de 2021 por meio do Covax, mecanismo implementado pela OMS para garantir um acesso equitativo às nações emergentes.

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?