Navigation

Estados Unidos confirma doação de um milhão de vacinas anticovid ao Paraguai

Pedestres e pessoas em carros fazem fila do lado de fora de um centro de vacinação para receber uma dose da AstraZeneca contra covid-19 em Villa Elisa, Paraguai, em 12 de junho de 2021 afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 28. junho 2021 - 22:22
(AFP)

Os Estados Unidos vão doar um milhão de vacinas da Pfizer contra a covid-19 ao Paraguai e pressionar para que o país receba mais quatro milhões de doses pelo mecanismo Covax, anunciou nesta segunda-feira (28), em Assunção, Victoria Nuland, emissária do presidente Joe Biden.

"Vim anunciar em nome do presidente Biden e do povo dos Estados Unidos a doação de um milhão de vacinas da Pfizer que serão entregues em breve", disse Nuland, vice-secretária de Estado para Assuntos Políticos dos Estados Unidos.

“Vamos trabalhar com o mecanismo da Covax para acelerar os itens que correspondem ao Paraguai”, acrescentou, referindo-se aos quatro milhões de doses que o país adquiriu antecipadamente em 2020, compromisso que até agora não foi cumprido.

Os Estados Unidos anunciaram há uma semana que vão doar 14 milhões de vacinas contra a covid-19 para diversos países da América Latina, incluindo o Paraguai, por meio do Covax, mecanismo que depende da Organização Mundial de Saúde.

Nuland se reuniu por uma hora com o presidente paraguaio, Mario Abdo Benítez, no Palácio do Governo, e a seguir conduziu uma sessão de trabalho de duas horas com o chanceler, Euclides Acevedo, e sua equipe.

“Vamos ajudar a acelerar a chegada das vacinas a que você tem direito”, comentou.

O funcionário disse que os Estados Unidos construirão quatro hospitais-acampamento para ajudar no combate à pandemia no Paraguai.

Além disso, anunciou uma doação de 125 milhões de dólares para a criação de pequenas e médias empresas (PMEs) para mulheres empresárias.

O Paraguai, com uma população de 7,3 milhões de pessoas, soma 12.517 mortes por covid-19 e 418.330 infecções nesta segunda-feira. Só no domingo, 152 mortes foram relatadas.

A campanha de vacinação avança muito lentamente. Até domingo, 665.177 pessoas receberam pelo menos uma dose, de acordo com dados oficiais.

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?