Navigation

Explosão de carro-bomba deixa quatro mortos na Somália

Soldados somalis caminham ao lado do Parlamento, em Mogadíscio, no dia 24 de maio de 2014 afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 05. julho 2014 - 11:03
(AFP)

Um carro-bomba explodiu neste sábado perto do Parlamento na capital da Somália, Mogadíscio, deixando ao menos quatro mortos, anunciaram a polícia e testemunhas.

"Um carro repleto de explosivos foi interceptado perto do Parlamento e explodiu. Há vítimas, mas até o momento não temos detalhes", declarou um oficial da polícia, Mohamed Idle.

Segundo testemunhas e vários agentes, há pelo menos quatro mortos e vários feridos.

O ataque não foi reivindicado, mas os islamitas somalis shebab, vinculados à Al-Qaeda, já atacaram no passado as instituições, sobretudo o Parlamento.

Em maio detonaram um carro-bomba em frente aos portões do Parlamento e atacaram o edifício, deixando vários mortos.

Na época um porta-voz dos shebab classificou o Parlamento de zona militar e de alvo legítimo.

Os shebab também reivindicaram o assassinato na quinta-feira de um deputado e de seu guarda-costas.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.