Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(3 jul) Israelense mostra restos de um projétil lançado da Faixa de Gaza, na cidade de Sderot

(afp_tickers)

O governo de Israel autorizou nesta terça-feira que o Exército convoque 40.000 reservistas para o caso de uma operação terrestre na Faixa de Gaza, informou a imprensa israelense.

A decisão acontece em meio à escala de violência mais grave desde novembro de 2012.

Na segunda-feira, o exército israelense lançou uma ofensiva aérea contra o movimento islamita Hamas, que reivindicou o lançamento de dezenas de foguetes contra o sul do Israel nos últimos dias.

Israel lançou nesta terça uma operação aérea no sul da Faixa de Gaza e já se tem notícias de pelo menos oito palestinos mortos, e dezenas de feridos, segundo os serviços de emergência.

O exército israelense está aberto a todas as opções para acabar com os disparos de foguetes a partir de Gaza, inclusive uma ofensiva terrestre, afirmou uma fonte militar que pediu anonimato.

AFP