Navigation

Governo ucraniano ordena cessar-fogo em região de queda de avião malaio

O presidente da Ucrânia, Petro Poroshenko afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 21. julho 2014 - 12:01
(AFP)

O presidente ucraniano, Petro Poroshenko, ordenou que suas tropas interrompam as operações ao redor do local onde o avião da Malaysia Airlines foi derrubado no leste da Ucrânia, informou a agência Interfax.

"Dei a ordem: em um raio de 40 km do local da tragédia os militares ucranianos devem interromper suas operações e se abster de abrir fogo", declarou Porosheko durante uma visita nesta segunda-feira ao embaixador da Malásia em Kiev.

No entanto, esta decisão não envolve Donetsk, que se encontra a 60 km do local da tragédia.

O leste da Ucrânia vive há mais de três meses um conflito armado entre separatistas pró-russos e as autoridades de Kiev, que acusam Moscou de apoiar os insurgentes.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.