Navigation

Honduras recebe mais de 48.000 doses de vacinas contra o coronavírus

Vários países europeus suspenderam a aplicação da vacina contra a covid da AstraZeneca por "precaução" afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 13. março 2021 - 17:56
(AFP)

Honduras recebeu neste sábado (13) 48.000 doses de vacinas contra o coronavírus da AstraZeneca, enviadas pelo mecanismo Covax da Organização Mundial da Saúde (OMS) para imunizar trabalhadores dos hospitais e maiores de 60 anos, anunciou o governo.

As vacinas recebidas pelo presidente Juan Orlando Hernández no aeroporto Toncontín são parte "de um total de mais de 3,8 milhões" doadas pela OMS, disse o governo em um comunicado.

Ele explicou que o lote da AstraZeneca "é original, confiável e está certificado, depois que mais de 30 pessoas apresentaram reações adversas, de um total de mais de 5.000 pessoas que receberam a aplicação da vacina" na Europa. As doses serão distribuídas a partir da próxima segunda-feira nos hospitais públicos.

Honduras começou a vacinação contra a covid-19 em 25 de fevereiro quando chegaram 5.000 doses doadas por Israel, porque as doações prometidas pelo Covax para a segunda quinzena de fevereiro atrasaram.

Em 4 de março, o governo hondurenho anunciou a compra de 4,2 milhões de doses da Rússia da vacina Sputnik V para imunizar 2,1 milhões de pessoas, mas ainda não chegaram.

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?