Navigation

Maduro reconhece rival de Guaidó como presidente do Parlamento venezuelano

(Arquivo) O presidente da Venezuela, Nicolas Maduro afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 05. janeiro 2020 - 22:16
(AFP)

O presidente de Venezuela, Nicolás Maduro, reconheceu neste domingo como novo chefe do Parlamento o deputado opositor Luis Parra, autoproclamado com apoio chavista em uma sessão sem a presença de Juan Guaidó e outros opositores, bloqueados do lado de fora da sede legislativa por policiais e militares.

"A Assembleia Nacional tomou uma decisão e há uma nova junta diretora. Vinha sonhando que o deputado Juan Guaidó seria retirado da Assembleia Nacional com os votos da própria oposição", disse Maduro em ato exibido pela TV estatal VTV após o juramento de Parra, que Guaidó chamou de "golpe de Estado parlamentar".

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.