Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

A veterana atriz da Broadway Elaine Stritch é vista em 22 de abril de 2013

(afp_tickers)

A veterana atriz da Broadway, a cantora Elaine Stritch, morreu aos 89 anos, em sua residência, em Birmingham, Michigan, confirmou uma amiga.

A atriz de humor ácido e voz marcante mudou-se para Michigan no ano passado, depois de morar por anos no luxuoso Carlyle Hotel, em Nova York.

A Broadway anunciou que vai diminuir as luzes por um minuto às 19h45 desta sexta-feira em memória à lenda de seus palcos, que foi indicada a quatro prêmios Tony de teatro e ganhou três prêmios Emmy, o Oscar da TV americana.

A carreira de Stritch começou nos anos 40 e, apesar de suas constantes aparições no cinema e na televisão, ele ficou famosa por estrelar peças na Broadway e no West End londrino.

Ela estrelou "Quem tem medo de Virginia Woolf" e o musical "Company", de Stephen Sondheim, entre outras obras.

Recentemente brilhou na tv vivendo a mãe de Alec Baldwin na premiada comédia "30 Rock." Ela também teve participações memoráveis em "Law and Order" e "3rd Rock From the Sun."

No cinema, atuou em filmes de Woody Allen, incluindo "Setembro", e esteve ao lado de Richard Gere em "Outono em Nova York."

Em 2002, foi muito elogiada pela crítica em Nova York e Londres com seu show solo "Elaine Stritch At Liberty", que levou um Tony especial.

Sua última atuação na Broadway foi em 2010 como Madame Armfeldt no revival de outro musical Sondheim–Hugh Wheeler, "A Little Night Music", substituindo outra lenda dos palcos, Angela Lansbury.

No ano passado, o site de streaming Netflix produziu "Elaine Stritch: Shoot Me", um documentário sobre sua vida e carreira.

Ela casou com o ator John Bay em 1973. Ele morreu em 1982.

AFP