Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O homem poderia ser condenado a pagar uma multa de 2.000 yuanes e a uma pena de 15 dias de detenção, mas a polícia optou apenas por uma multa de 500 yuanes.

(afp_tickers)

A polícia chinesa prendeu um homem que dirigia sem os braços ou carteira de motorista, com um pé nos pedais e o outro no volante, anunciaram as autoridades.

O homem foi amputado dos membros superiores depois de ter sofrido um grave acidente de descarga elétrica ainda na infância.

Isto não o impediu de dirigir durante vários anos um veículo automático que ele conduzia com os pés. Ele percorreu desta maneira uma distância acumulada de 160.000 km, segundo o Diário do Povo.

Ele foi detido pela polícia rodoviária de Xiantao, na província central de Hubei, de acordo com o governo local.

O homem poderia ser condenado a pagar uma multa de 2.000 yuanes (196 dólares) e a uma pena de 15 dias de detenção, mas a polícia optou apenas por uma multa de 500 yuanes.

As rodovias da China estão entre as mais perigosas do mundo e os motoristas respeitam muito pouco as normas de tráfego.

AFP