Navigation

Presidente de Cuba recebe líder de comitê do Senado dos EUA

As bandeiras de Estados Unidos e Cuba em rua de Havana em 20 de setembro de 2018. afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 21. setembro 2018 - 03:03
(AFP)

O presidente de Cuba, Miguel Díaz-Canel, recebeu nesta quinta-feira o chefe do Comitê de Relações Exteriores do Senado dos Estados Unidos, Robert Corker, dias antes de viajar a Nova York para a Assembleia Geral das Nações Unidas.

"Durante o encontro, os dois conversaram sobre o estado das relações bilaterais e sobre temas de interesse comum", informou a imprensa estatal.

Corker é a mais alta autoridade dos Estados Unidos a se reunir com Díaz-Canel desde que este assumiu a presidência da Ilha, em 19 de abril, no lugar de Raúl Castro.

O presidente cubano viajará a Nova York para participar da Assembleia Geral da ONU, e semanas antes da votação nas Nações Unidas de uma resolução contra o embargo que os Estados Unidos aplicam a Cuba desde 1962.

O projeto para acabar com o embargo - votado ano a ano na Assembleia Geral há duas décadas - conta com apoio majoritário.

Após uma histórica aproximação entre o então presidente americano, Barack Obama, e Raúl Castro, que reconstituiu relações diplomáticas rompidas a mais de meio século e permitiu a reabertura de embaixadas, a chegada de Donald Trump ao governo em Washington marcou um retrocesso.

No final de 2016, Washington denunciou que cerca de vinte diplomatas americanos em Havana e familiares foram vítimas de "ataques acústicos" que causaram danos a sua saúde, acusação rejeitada por Havana.

No domingo passado, Díaz-Canel considerou que as relações com os Estados Unidos retrocederam, mas se mostrou aberto ao diálogo em igualdade de condições, com respeito e sem condições.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.