Navigation

Presidente hondurenho recebe alta hospitalar depois de superar COVID-19

(Arquivo) O presidente de Honduras, Juan Orlando Hernández, em Tegucigalpa afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 02. julho 2020 - 15:49
(AFP)

O presidente hondurenho, Juan Orlando Hernández, recebeu alta nesta quinta-feira do hospital onde estava hospitalizado desde 16 de junho por COVID-19.

"Superamos um teste e eu gostaria que nenhum ser humano passasse pela angústia de estar entre a vida e a morte", disse o presidente em um áudio distribuído pela presidência.

O Hospital Militar informou, através da Dra. Alicia Jiménez, que Hernández já está em boas condições, mas que deve continuar "em isolamento doméstico".

"Esta doença é grave e, enquanto não tivermos noção de sua seriedade, continuaremos vendo centenas e milhares de infecções e, infelizmente, também de mortes", lamentou.

"Os hospitais estão em colapso (...) isso aconteceu em quase todos os países, se não em todos os países do mundo", enfatizou.

Ela pediu para "respeitar a COVID-19, aprender a conviver com ela, com todos os cuidados necessários, (porque) se seguirmos as instruções, conseguiremos controlá-la".

Jiménez explicou em outro áudio que Hernández sofreu problemas pulmonares que causaram um declínio em seu estado geral.

Em seguida, teve febre e problemas respiratórios graves, então a equipe médica teve que aplicar mais antibióticos e oxigênio.

Hernández anunciou que sua esposa, Ana García, está se recuperando em casa porque ela também deu positivo para a doença.

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.