Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O Hamas e as forças israelenses respeitaram uma trégua de cinco horas por razões humanitárias após a morte de quatro crianças palestinas em uma praia de Gaza.

(afp_tickers)

Aviões israelenses bombardearam três vezes nesta quinta-feira a Faixa de Gaza, os primeiros ataques desde o final de uma trégua humanitária de cinco horas, segundo testemunhas.

O bombardeio em Beit Lahiya não provocou vítimas e aconteceu ao concluir a trégua temporária, negociada por Israel e o Hamas com apoio da ONU.

Foram registrados ainda um segundo ataque contra o bairro de Chujaiya, a leste da cidade de Gaza, e um terceiro contra um campo de refugiados do centro do território.

Uma porta-voz do exército israelense confirmou à AFP que as "operações, os ataques a Gaza" foram retomados.

O Hamas e as forças israelenses respeitaram uma trégua de cinco horas por razões humanitárias após a morte de quatro crianças palestinas em uma praia de Gaza.

No total, 231 palestinos morreram e 1.700 ficaram feridos, em sua maioria civis, em dez dias de bombardeios, segundo as autoridades locais.

AFP