Navigation

Propagação de coronavírus desacelera no Irã

(26 março) Membro da Cruz Vermelha do Irã testa a temperatura de passageiros de um táxi perto de Teerã afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 04. abril 2020 - 13:54
(AFP)

O número de novas infecções diárias pelo novo coronavírus diminuiu no Irã pelo quarto dia consecutivo, segundo dados oficiais divulgados neste sábado, no momento em que o país conclui um período de férias de 15 dias.

A Covid-19, no entanto, deixou 158 mortos nas últimas 24 horas, o que eleva oficialmente a 3.452 o número de vítimas fatais da epidemia no Irã, declarou o porta-voz do Ministério da Saúde Kianush Jahanpur, em entrevista coletiva. Ao mesmo tempo, o país registrou 2.560 novos contágios.

Os dados mostram uma redução dos novos casos diários pelo quarto dia consecutivo, em relação ao pico de 3.111 infectados registrado em 31 de março.

Desde o anúncio dos primeiros casos, em fevereiro, o Irã reportou 55.743 casos. O número de pacientes em estado crítico é de 4.103, mas "o número de curados aumentou nos últimos dias", disse Jahanpur, assinalando que 19.736 pessoas já receberam alta.

Neste sábado, terminam as duas semanas de férias do ano-novo persa, mas Teerã não retomou as atividades normais. As lojas permanecem fechadas e o tráfego é reduzido. O presidente Hassan Rohani pediu hoje à população que se mantenha vigilante, sob pena de novas restrições.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.