Navigation

Protestos contra governo de Duque deixam três mortos na Colômbia

A polícia de choque confronta manifestantes durante uma greve nacional convocada por estudantes, sindicatos e grupos indígenas para protestar contra o governo do presidente da Colômbia, Ivan Duque, em Bogotá afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 22. novembro 2019 - 13:48
(AFP)

Três manifestantes morreram em meio a confrontos nos protestos em massa realizados na quinta-feira (21) contra o governo de Iván Duque na Colômbia - anunciou o ministro da Defesa, Carlos Holmes Trujillo, nesta sexta-feira (22).

"Nas últimas horas, as autoridades confirmaram a morte de duas pessoas em Buenaventura, em meio a distúrbios, e outro em Candelaria, ambos em municípios do (departamento) Valle del Cauca", no oeste do país, informou o ministro em uma entrevista coletiva.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.