Navigation

Quase 300 crianças morreram na ofensiva israelense em Gaza

Palestino retira criança de casa que foi atingida por ataque israelense em Rafah, ao sul da Faixa de Gaza afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 02. agosto 2014 - 14:25
(AFP)

A ofensiva militar israelense na Faixa de Gaza, iniciada em 8 de julho, provocou a morte de pelo menos 296 crianças e adolescentes palestinos, anunciou o Unicef.

"As crianças representam 30% das vítimas civis", afirma o Fundo das Nações Unidas para a Infância.

"O número de crianças mortas nas últimas 48 horas pode aumentar, após uma série de verificações que estão sendo feitas", afirma o Unicef.

Os dados ainda não são definitivos.

Segundo a informação que o Unicef possui atualmente, "entre 8 de julho e 2 de agosto foram registradas as morte de pelo menos de 296 crianças palestinas".

Mais de 1.650 palestinos, em sua ampla maioria civis, morreram em consequência da ofensiva israelense.

O Estado de Israel acusa o movimento islamita palestino Hamas, que controla Gaza, de usar a população como "escudo humano".

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?