Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, em Caracas, no dia 30 de março de 2016

(afp_tickers)

Quase sete em cada dez venezuelanos (68%) são a favor de que o presidente Nicolás Maduro "saia do poder o mais rápido possível e haja eleições presidenciais" - de acordo com a pesquisa Venebarómetro divulgada nesta quinta-feira.

Segundo a enquete, 84,1% dos entrevistados consideram negativa a situação do país. Em fevereiro, esse índice era de 88,3%.

Sobre o apoio a um referendo revogatório do mandato de Maduro, 57% dos consultados discordam de que esse procedimento possa ser realizado em 2017, quando uma derrota do presidente levaria o vice - escolhido pelo próprio - a ocupar sua cadeira.

Em meio à crise no abastecimento de alimentos, 86,3% dos entrevistados disseram comprar menos comida do que antes.

Para a pesquisa da Venebarómetro, realizada de 1º a 8 de abril passado, 1.200 pessoas foram entrevistadas. A margem de erro é de 2,37%.

AFP