Navigation

Rei saudita é vacinado contra o coronavírus

Foto divulgada pelo Palácio Real Saudita, em 8 de janeiro de 2021, mostra o rei Salman da Arábia Saudita sendo vacinado contra a covid-19 afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 08. janeiro 2021 - 21:11
(AFP)

O rei Salman, da Arábia Saudita, de 85 anos, foi vacinado nesta sexta-feira (8) com a primeira dose de um imunizante contra o novo coronavírus, mais de três semanas após o início de uma campanha nacional de imunização, reportou a agência de notícias oficial SPA.

A Arábia Saudita, o país mais populoso do Golfo Árabe (34 milhões de habitantes) e o mais afetado pela pandemia, registrou mais de 363.000 casos do novo coronavírus e mais de 6.000 mortes.

O Rei Salman "recebeu a primeira dose da vacina contra o coronavírus" em NEOM (noroeste), uma megalópole futurística que está sendo construída nas margens do Mar Vermelho, segundo a agência SPA.

A agência publicou fotos e vídeos nos quais o soberano aparece sendo vacinado.

No dia 17 de dezembro, a Arábia Saudita iniciou uma campanha de vacinação após a aprovação do uso da fórmula desenvolvida pela Pfizer e BioNTech.

A campanha será realizada em três fases: a primeira vai vacinar as pessoas mais vulneráveis, como maiores de 65 anos, as que sofrem de obesidade ou doenças crônicas graves, e as que, por seu trabalho, estejam expostas ao vírus.

Na segunda fase, serão vacinados maiores de 50 anos, demais profissionais de saúde e portadores de doenças menos graves.

Todos os que desejarem serão vacinados na terceira fase.

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?