Navigation

Satélite europeu de observação de ventos entra em órbita

Foguete decola com o satélite Aeolus do centro espacial de Kourou, na Guiana Francesa afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 23. agosto 2018 - 12:07
(AFP)

O primeiro satélite europeu destinado a monitorar os ventos no planeta foi colocado em órbita nesta quarta-feira, a partir do centro espacial de Kuru, na Guiana Francesa, anunciou a Arianespace.

O satélite Aeolus foi lançado por um foguete europeu Vega às 21H20 GMT (18H20 Brasília), um dia após o previsto, devido a "condições meteorológicas desfavoráveis".

Após 55 minutos, o Aeolus foi colocado a uma altitude de 320 km.

O Aeolus "sondará a atmosfera com um potente laser e deverá nos ajudar a entender melhor as dinâmicas na altura dos trópicos e os processos que influenciam na variabilidade do clima, melhorando as previsões meteorológicas", destacou a Agência Espacial Europeia.

O satélite faz parte do programa Copernicus da União Europeia para a observação do meio ambiente.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.