Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Soldados ucranianos perto da cidade de Slaviansk

(afp_tickers)

Sete integrantes das forças do governo ucraniano que lutam contra os separatistas pró-Rússia no leste do país morreram nas últimas 24 horas.

"Sete membros de nossas forças, cinco militares, um guarda de fronteira e um policial, morreram e 33 soldados ficaram feridos", disse Oleksii Dmytrashkivsky, porta-voz da "operação antiterrorista" realizada pelo governo de Kiev.

As forças ucranianas tentam cercar os dois principais redutos dos rebeldes, as cidades de Donetsk (um milhão de habitantes) e Lugansk (meio milhão de habitantes).

Os separatistas têm lança-foguetes soviéticos do tipo Grad e na sexta-feira um ataque matou 19 soldados ucranianos na região de Lugansk.

AFP