Perspectivas suíças em 10 idiomas

‘Ataque’ contra unidade policial no Equador deixa um agente morto e outro ferido

Membros do governo do Equador avaliam os danos em delegacia de San Lorenzo, na província de Esmeraldas afp_tickers

Um policial morreu e outro ficou ferido após um “ataque com armas grandes” registrado neste domingo (12) contra uma instalação policial na província equatoriana de Esmeraldas, no noroeste do país e fronteiriça com Colômbia, deixando nove detidos, informou a instituição.

“A Polícia Nacional do Equador condena e rejeita o atentado com armas grandes contra servidores policiais”, publicou a entidade em um comunicado e informou que “infelizmente deixou um policial morto e outro ferido”.

Acrescentou que o incidente ocorreu contra uma Unidade da Polícia Comunitária (UPC), localizada no bairro La Guacharaca, ao sul da capital provincial Esmeraldas, sem revelar mais detalhes.

Esmeraldas é uma das nove províncias equatorianas em estado de exceção, declarado pelo presidente Guillermo Lasso desde 18 de outubro devido ao aumento da criminalidade vinculada ao narcotráfico.

“Foram ativadas unidades operacionais, de investigação e de inteligência e seus protocolos de busca e localização para descobrirmos onde estão os culpados”, alertou a versão policial.

Após o fato, as autoridades realizaram seis tarefas de busca e prenderam nove pessoas, “entre eles o suposto autor da morte”, acrescentou a políica, sem mais detalhes.

A Promotoria anunciou no Twitter que “acusações serão formuladas nas próximas horas” contra os “nove suspeitos do ataque”.

Além disso, confiscou uma submetralhadora e um revólver.

A polícia mostrou imagens em suas redes sociais nas quais são observados vidros quebrados no acesso ao quartel policial e buracos de projéteis em uma das janelas de seviço do estabelecimento.

Preferidos do leitor

Os mais discutidos

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR