Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Dança em Lausanne Sem dor não há vitória para o Béjart Ballet

O balé é poesia em movimento, uma forma de arte perfeitamente coreografada e esculpida, mas aperfeiçoar-se exige dor, paciência e perseverança, como revela o tempo gasto pelos bailarinos da famosa companhia Béjart Ballet.

Em um ensaio do espetáculo "A Flauta Mágica" foi possível sentir a dor e o sofrimento que cada bailarino passa preparando seu corpo em movimentos firmes e equilibrados. Uma exigência extremamente física e extenuante.

O Béjart Ballet foi fundado em Lausanne em 1987 e tem uma reputação internacional. Quando o renomado coreógrafo Maurice Béjart faleceu em 2007, havia medo de que sua companhia não pudesse sobreviver. Medo que se revelou sem fundamento. O Béjart permanece em alta, sob a orientação do diretor artístico Gil Roman. Cerca de 124 pessoas trabalham para a companhia, incluindo 44 bailarinos de 19 países.