Perspectivas suíças em 10 idiomas

Dahai Shao

Especialidades: sociedade, cultura e fotografia. Iniciais: dh

Dahai estudou língua e literatura chinesa na China. Ao se mudar para a Suíça, se tornou especialista em tecnologia de redes de computadores. Se formou como jornalista, adquiriu e desenvolveu conhecimentos sobre mídia, técnicas fotográficas, programação de computadores e outros. Participou da criação da redação em chinês da swissinfo.ch em 2001, onde desde então trabalha.

É assim que soa um carrilhão feito a mão.

Mostrar mais

Assim soa um sino feito a mão

Este conteúdo foi publicado em O som do sino vai de oco e nítido a grosso e profundo, e os seus ecos são longos e delicados. 

ler mais Assim soa um sino feito a mão
Ouça o som do sino de vaca Alpine Santorum.

Mostrar mais

Por quem os sinos dobram

Este conteúdo foi publicado em Depois de um árduo processo de fabricação, o sino da vaca emite um som peculiar que resulta de uma sigilosa técnica de fundição do cobre.

ler mais Por quem os sinos dobram
Krankenhausgang

Mostrar mais

Morrer com dignidade

Este conteúdo foi publicado em A noite está fresca, mas dentro da capela reina um calor confortável. Uma cerimônia memorial está sendo realizada no momento para pessoas recentemente falecidas que passaram a última parte da vida no Centro de Cuidados PaliativosLink externo, também chamado de “Casa Swan”. A pastora protestante Simone Bühler encoraja os presentes a acenderem velas, como símbolos…

ler mais Morrer com dignidade
A cabra do Appenzell

Mostrar mais

Passando um dia em uma fazenda da Pro Specie Rara

Este conteúdo foi publicado em A fazenda “Ferme des sensLink externo” está situada na cidadezinha de Châtel-St-Denis, no cantão de Friburgo, parte francesa da Suíça. Seu proprietário, Stéphane Vial-Colliard, nasceu na década de 1970. Sua fazenda não é apenas orgânica que funciona no modelo de pequena escala, mas sobretudo quase todas as suas frutas, legumes, aves e gado pertencem a…

ler mais Passando um dia em uma fazenda da Pro Specie Rara
Stéphane Vial的山羊

Mostrar mais

Uma fazenda diferente das outras

Este conteúdo foi publicado em Stefan começa o seu dia de trabalho a partir das cinco da manhã. Primeiro ele faz a ordenha. Depois precisa alimentar as ovelhas, leva o gado ao pasto, dar a ração aos porcos e cortar o feno. Imagens de um cotidiano no campo.

ler mais Uma fazenda diferente das outras
Cows going up a mountain

Mostrar mais

Por que as vacas suíças escalam montanhas

Este conteúdo foi publicado em Mas esse é o tipo de subida – embora em trilhas de terra e não degraus de concreto – que uma típica vaca leiteira suíça faz todos os verões. De acordo com o Departamento Federal de Agricultura, cerca de 270.000 vacas são levadas de suas fazendas para os pastos alpinos no início de cada verão,…

ler mais Por que as vacas suíças escalam montanhas
走进瑞士鲜为人知的神秘自来水地下蓄水库

Mostrar mais

Os misteriosos reservatórios subterrâneos de Zurique

Este conteúdo foi publicado em Cerca de 70% da água de Zurique vem do Lago de Zurique e 15% é água de nascente. O resto é água subterrânea. Além da cidade de Zurique, a água potável é fornecida para 67 municípios e 900.000 pessoas na região. Os 280 funcionários do serviço de abastecimento garantem que uma água potável de alta…

ler mais Os misteriosos reservatórios subterrâneos de Zurique
铁路行业咨询专家崔军女士

Mostrar mais

“Não seria surpreendente que um um dia um trem chinês atravesse o Gotardo”

Este conteúdo foi publicado em Consultora independente e especialista em trens, Cui Jun trabalha com pequenas e médias empresas. Seus serviços são a pesquisa de mercado em estradas de ferro, incluindo produtos, tecnologia, clientela potencial e a concorrência. Durante a última década, Cui Jun trabalhou principalmente para empresas suíças como ABB, Ferrorivia Federal (CFF), Duagon, Ruf, Pkumettaz e Systraansis. swissinfo.ch:…

ler mais “Não seria surpreendente que um um dia um trem chinês atravesse o Gotardo”
a dancer holding her head

Mostrar mais

Sem dor não há vitória para o Béjart Ballet

Este conteúdo foi publicado em Em um ensaio do espetáculo “A Flauta Mágica” foi possível sentir a dor e o sofrimento que cada bailarino passa preparando seu corpo em movimentos firmes e equilibrados. Uma exigência extremamente física e extenuante. O Béjart Ballet foi fundado em Lausanne em 1987 e tem uma reputação internacional. Quando o renomado coreógrafo Maurice Béjart faleceu em 2007,…

ler mais Sem dor não há vitória para o Béjart Ballet

Mostrar mais

Visitando um camponês alpino

Este conteúdo foi publicado em Nas montanhas vive um homem chamado Robert Müller. Ele nasceu e cresceu nesse local de cenários idílicos. Apesar de viver sozinho, nunca se vê tomado pela solidão. Como é a vida dele? Um jornalista do swissinfo.ch passou um dia com ele.

ler mais Visitando um camponês alpino

Mostrar mais

Os Alpes na região do Emmental

Este conteúdo foi publicado em A paisagem nessa região é impressionante nessa época do ano. No caminho para o chalé de Robert é possível sentir a harmonia entre o ser humano e a natureza.

ler mais Os Alpes na região do Emmental

Mostrar mais

Vida rústica em um chalé suíço

Este conteúdo foi publicado em Quem vive nesses chalés que embelezam a paisagem? Como é a sua vida? Com a mesma curiosidade que você tem, swissionf.ch entrevistou o fazendeiro Robert Müller, que vive nas remotas montanhas dos Alpes de Emmental. O último quilômetro Robert vive em Lauperwill, um lugar cercado por Berna, Lucerna e Friburgo. No caminho para sua casa,…

ler mais Vida rústica em um chalé suíço

Mostrar mais

Martina Fuchs: embaixadora cultural na televisão chinesa

Este conteúdo foi publicado em swissinfo.ch: Por que você saiu da Suíça? Martina Fuchs: Os primeiros passos independentes no exterior fiz com dezesseis anos. Foi quando decidi prolongar as férias com a minha amiga em Portugal e continuá-la no Marrocos. Em Tanger liguei para os meus pais e anunciei: “Mamãe, papai, estou na África”. Eles ficaram bastante impressionados. Então a…

ler mais Martina Fuchs: embaixadora cultural na televisão chinesa

Mostrar mais

Recordaçōes de um instrutor de esqui chinês na Suíça

Este conteúdo foi publicado em Zhongxing Xu, conhecido como Johnson na Suíça, recebeu este apelido em 2013. Ele foi um dos oito instrutores de esqui chineses acompanhados pela televisão suíça enquanto davam aulas de esqui para turistas chineses. Depois de dois anos na estação Grindelwald, ele retornou à China. Durante os dois primeiros meses em que estava na Suíça, Xu…

ler mais Recordaçōes de um instrutor de esqui chinês na Suíça

Mostrar mais

“O livro também poderá encorajar mulheres na China”

Este conteúdo foi publicado em Qi Mu (pseudônimo), a tradutora do livro com o título “Daquela noite em diante eu fiquei enfeitiçada” (tradução livre para o português do título em alemão) ficou encantada com o relato destas mulheres suíças com mais de 70 anos que contam suas histórias de vida e de amores por outras mulheres. “Apesar das diferenças concretas,…

ler mais “O livro também poderá encorajar mulheres na China”

Preferidos do leitor

Os mais discutidos

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR