Navigation

Turistas inundam paraíso no Ticino

O vilarejo de Lavertezzo, no Vale Verzasca, no cantão do Ticino, foi inundado neste verão por causa de alguns vídeos de turistas italianos que viralizaram. Todo mundo quer ver o lugar que um jovem vlogueiro chamou de "Maldivas de Milão". (RTS/swissinfo.ch)

Este conteúdo foi publicado em 11. agosto 2017 - 13:30

Céu azul, sol, água azul-turquesa - e apenas uma hora de Milão: assim apresentou o vlogueiro italiano Marco Capedri, em meados de julho, o lugar onde passa o rio Verzasca.

O vídeo mostra pessoas saltando alegremente das pedras na água, desfrutando deste lugar maravilhoso. Na internet, o vídeo se espalhou rapidamente. Só no Facebook ele foi visto três milhões de vezes.

Lavertezzo foi subitamente confrontada com um afluxo maciço de turistas. Os moradores começaram a reclamar que alguns visitantes nem sempre se comportam corretamente. Até o prefeito reclamou que os turistas estacionam seus carros de qualquer maneira, jogam lixo em qualquer lugar e nem sempre respeitam as regras do povoado de 1300 habitantes.

Nos comentários, quem conhece o lugar confirma a beleza de sonho, mas lembra que uma coisa não ficou clara no vídeo: a água cristalina é muito fria! Ao contrário das Maldivas.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.