Perspectivas suíças em 10 idiomas

Exército toma medidas contra extremismo de direita na caserna

soldados com rifles
Em princípio todos os homens suíços devem servir as forças armadas a partir dos 18 anos de idade; mulheres podem se alistar voluntariamente. Keystone

O exército suíço desarmou ou suspendeu um punhado de seus membros ligados ao extremismo de direita. No ano passado, o exército já havia investigado 49 pessoas no total.

Em 2017, o exército suíço checou 42 relatos relacionados com o extremismo de direita entre seus membros. Nove pessoas foram obrigadas a se submeter a medidas de precaução, como verificações de segurança, suspensão ou a entrega de suas armas.

Os números são um pouco maiores do que a média dos últimos cinco anos. Cerca de dois terços dos relatos de extremismo do ano passado tiveram a ver com o extremismo de direita, anunciou o Ministério da Defesa na segunda-feira. No total, houve 21 relatos desse tipo.

Houve oito relatos de extremismo motivado pela jihad (guerra santa muçulmana), cerca de metade do que no ano anterior. Dez tinham a ver com extremismo não violento, e outros três eram de extremismo étnico-nacionalista.

Os recrutas podem ser excluídos do exército suíço se forem considerados capazes de violência. As investigações são realizadas por uma unidade militar especializada em “extremismo no exército”.

swissinfo.ch/ets

Os mais lidos
Suíços do estrangeiro

Os mais discutidos

Notícias

imagem

Mostrar mais

Suíços não se preocupam em perder empregos para a IA

Este conteúdo foi publicado em A inteligência artificial (IA) está influenciando a vida profissional cotidiana. Na Suíça, muitas pessoas já têm experiência com IA, inclusive em seus empregos.

ler mais Suíços não se preocupam em perder empregos para a IA

Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Mostrar mais: Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch.

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR