Navigation

Ao menos 154 holandeses estão entre vítimas de queda de avião da Malásia, diz autoridade

Este conteúdo foi publicado em 17. julho 2014 - 22:33

AMSTERDÃ (Reuters) - A maioria dos 283 passageiros a bordo do avião da Malaysia Airlines que caiu no leste da Ucrânia nesta quinta-feira era de holandeses, informou o chefe da companhia aérea na Europa.

O vice-presidente da Malaysia Airlines, Huib Gorter, disse que ao menos 154 holandeses, 27 australianos, 23 malaios, 11 indonésios, 6 britânicos, 4 alemães, 4 belgas, 3 filipinos e 1 canadense estavam a bordo do Boeing 777.

Havia mais 47 passageiros cujas nacionalidades ainda não eram conhecidas. Os 15 tripulantes eram malaios.

(Reportagem de Thomas Escritt)

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.