Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Menino palestino carrega o irmão no colo em frente aos destroços da casa da família em Gaza. 13/08/2014 REUTERS/Ibraheem Abu Mustafa

(reuters_tickers)

GAZA (Reuters) - A explosão de uma bomba não detonada lançada anteriormente matou seis pessoas na Faixa de Gaza nesta quarta-feira, incluindo três membros da unidade de desativação de bombas da polícia palestina, disseram autoridades médicas e policiais.

Um jornalista estrangeiro, que não foi imediatamente identificado, está entre os mortos, disseram autoridades médicas.

A explosão ocorreu em Beit Lahiya, cidade ao norte da Faixa de Gaza que foi cenário de intensos confrontos entre forças israelenses e militantes palestinos.

Em comunicado, a polícia de Gaza disse lamentar as mortas de três de seus homens, identificando como o chefe da equipe antibombas local, seu vice e outro oficial. O texto diz que uma bomba não detonada ao ser lançada por israelenses havia explodido.

Um cessar-fogo de três dias, em vigor desde segunda-feira, deu aos especialistas no descarte de bombas palestinos a oportunidade de buscar aparatos não detonados para desativação.

(Reportagem de Nidal al-Mughrabi)

Reuters