Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Manifestantes contra o governo da Venezuela durante protesto em Caracas. 24/06/2014 REUTERS/Carlos Garcia Rawlins

(reuters_tickers)

WASHINGTON (Reuters) - O Departamento de Estado norte-americano informou nesta quarta-feira que impôs restrições de viagem a "alguns funcionários de governo venezuelanos" que segundo o órgão estariam envolvidos em abusos de direitos humanos.

"Nós não vamos identificar esses indivíduos em razão da confidencialidade dos registros de vistos, mas nossa mensagem é clara: aqueles que cometem tais abusos não são bem-vindos nos EUA", disse a porta-voz do Departamento de Estado Marie Harf.

Ela acrescentou que os venezuelanos que protestam por causa das condições sociais, econômicas e políticas nos últimos meses foram submetidos a prisões arbitrárias, força excessiva e intimidação judicial.

(Reportagem de Bill Trott)

Reuters