Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

LONDRES (Reuters) - O governo da Grã-Bretanha disse nesta quinta-feira que convocou o embaixador espanhol devido ao que descreveu como atividade "provocativa" da Marinha da Espanha perto do disputado território britânico de Gibraltar.

A Grã-Bretanha, que administra o território rochoso localizado na entrada do mar Mediterrâneo, disse que um navio da Marinha espanhola tentou redirecionar duas embarcações comerciais que transitavam nos arredores do porto de Gibraltar na quarta-feira, alegando que estariam em águas espanholas.

Os britânicos contestaram a alegação, dizendo que as embarcações se encontravam em águas internacionais. "Isso representa uma tentativa cínica do governo espanhol de prejudicar a economia de Gibraltar, em uma contravenção da legislação internacional", disse David Lidington, ministro britânico para assuntos europeus.

"Condeno essa atividade provocativa", disse ele, alertando a Espanha para que não deixe que esse tipo de ação ocorra novamente.

O incidente é o mais recente de uma longa disputa diplomática entre a Grã-Bretanha e a Espanha sobre Gibraltar, que o governo espanhol cedeu aos britânicos há cerca de 300 anos, mas que agora as autoridades espanholas querem de volta.

(Reportagem de Kylie MacLellan)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters