Navigation

Líbia deve anunciar resultado das eleições parlamentares em 20 de julho

Este conteúdo foi publicado em 06. julho 2014 - 20:17

TRÍPOLI (Reuters) - A Líbia vai anunciar os resultados das eleições parlamentares do mês passado em 20 de julho, disse o chefe da comissão de eleições neste domingo, empurrando os resultados em mais uma semana.

Menos da metade dos líbios registrados votaram, refletindo a desilusão com o caos reinante desde a queda de Gaddafi. O governo e o atual Parlamento não conseguiram produzir a segurança e coibir milícias que ajudaram a derrubar Gaddafi, mas agora desafiam a autoridade do Estado.

O país produtor de petróleo do norte da África elegeu uma nova assembleia em 25 de junho, em uma votação marcada por um baixo comparecimento às urnas e pela violência, abrindo um novo capítulo da conturbada transição da Líbia rumo à democracia desde a queda de Muammar Gaddafi em 2011.

Emad Sayeh, chefe da Alta Comissão Nacional de Eleições, disse que os resultados finais serão anunciados em 20 de julho. Os resultados parciais de algumas cidades foram publicados mas Sayeh disse que a comissão precisava de mais tempo para produzir resultados precisos.

Os resultados de 24 áreas de votação estão sendo retidos por causa de alguns "atos ilegais", disse, acrescentando que dos 1.751 candidatos 41 tinham sido desqualificados sob uma lei que proíbe ex-autoridades do antigo regime de Gaddafi de assumirem cargos públicos.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.