Navigation

Manifestantes fecham porto petrolífero na Líbia

Este conteúdo foi publicado em 12. julho 2014 - 14:41

TRIPOLI (Reuters) - Manifestantes fecharam o porto petrolífero de Brega, no leste da Líbia, informou neste sábado a estatal National Oil Corp (NOC), dias após o governo local comemorar a reabertura da maioria dos portos, depois de cerca de um ano de bloqueios.

O porta-voz da NOC, Mohamed El Harari, disse que a também estatal Sirte Oil CO teria de interromper sua produção de 43 mil barris por dia se os protestos continuarem.

Os manifestantes em Brega são guardas das instalações petrolíferas, uma força integrada principalmente por ex-combatentes das milícias que ajudaram a derrubar, em 2011, o governo de Muammar Gaddafi.

(Por Feras Bosalum)

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.