Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, repetiu nesta segunda-feira que Israel possui o direito de se defender contra ataques de foguetes de militantes do Hamas, mas afirmou que tem preocupações sérias sobre o crescente número de civis mortos no conflito.

"Nós temos preocupações sérias sobre o número crescente de civis palestinos mortos e perdas de vidas de israelenses e é por isso que agora nosso foco e o foco da comunidade internacional tem que ser alcançar um cessar-fogo que acabe com os combates e que seja capaz de evitar a morte de civis inocentes", disse o presidente dos EUA a jornalistas na Casa Branca, em Washington.

(Reportagem de Jeff Mason e Steve Holland)

Reuters