Navigation

Obama diz que cessar-fogo deve ser foco para resolver conflito em Gaza

Este conteúdo foi publicado em 21. julho 2014 - 17:36

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, repetiu nesta segunda-feira que Israel possui o direito de se defender contra ataques de foguetes de militantes do Hamas, mas afirmou que tem preocupações sérias sobre o crescente número de civis mortos no conflito.

"Nós temos preocupações sérias sobre o número crescente de civis palestinos mortos e perdas de vidas de israelenses e é por isso que agora nosso foco e o foco da comunidade internacional tem que ser alcançar um cessar-fogo que acabe com os combates e que seja capaz de evitar a morte de civis inocentes", disse o presidente dos EUA a jornalistas na Casa Branca, em Washington.

(Reportagem de Jeff Mason e Steve Holland)

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.