Navigation

Presidente russo pede cessar-fogo aos dois lados do conflito na Ucrânia

Presidente russo, Vladimir Putin, fala a repórteres em Brasília. 16/7/2014. REUTERS/Alexei Nikolskyi/RIA Novosti/Kremlin reuters_tickers
Este conteúdo foi publicado em 18. julho 2014 - 13:43

MOSCOU (Reuters) - O presidente russo, Vladimir Putin, pediu nesta Sexta-feira um cessar-fogo entre as forças do governo ucraniano e dos separatistas pró-russos em combate no leste da Ucrânia para permitir negociações.

"Conversações diretas entre os lados opostos têm de ser estabelecidas tão logo possível. Todos os lados do conflito têm de interromper rapidamente a luta e começar as negociações de paz", disse Putin em um encontro com líderes da Igreja Ortodoxa russa.

"É com grande preocupação e tristeza que estamos observando o que está acontecendo no leste da Ucrânia. É terrível, é uma tragédia."

(Reportagem de Darya Korsunskaya)

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.