Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

MOSCOU (Reuters) - O Ministério das Relações Exteriores da Rússia afirmou nesta quarta-feira que as sanções impostas pela União Europeia ao país por conta da crise na Ucrânia vão "inevitavelmente" levar a preços mais altos da energia na Europa.

"Ao partir para uma sequência de sanções, Bruxelas, por sua própria vontade, está criando barreiras para uma maior cooperação com a Rússia em uma esfera tão importante quanto à da energia. Isso é uma medida impensada e irresponsável. Vai inevitavelmente levar a um aumento dos preços no mercado europeu", disse o ministério em comunicado.

(Reportagem de Vladimir Soldatkin)

Reuters