Navigation

Argentina e Banco Mundial assinam memorando contra corrupção

Este conteúdo foi publicado em 14. dezembro 2020 - 21:24
(AFP)

A Argentina e o Banco Mundial assinaram nesta segunda-feira um memorando de entendimento para reforçar sua cooperação na prevenção e investigação de atos de corrupção, informou a instituição multilateral.

O ente responsável pelo convênio na Argentina é a Procuradoria de Investigações Administrativas, que responde ao Ministério Público. "Reforçar a cooperação entre o Banco Mundial e os escritórios nacionais de investigação é vital para a nossa missão contra a corrupção", declarou o vice-presidente de Integridade Institucional do banco, Mouhamadou Diagne.

Segundo a ONG Transparência Internacional, a Argentina avançou em sua legislação contra a corrupção, mas falha no que diz respeito às sanções.

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?