Navigation

Dinamarca vai impor novas restrições contra coronavírus

(Arquivo) A premier da Dinamarca, Mette Frederiksen afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 06. dezembro 2020 - 23:25
(AFP)

A Dinamarca anunciará amanhã novas medidas de restrição, devido ao alto nível de casos de Covid-19, anunciou na noite deste domingo a primeira-ministra Mette Frederiksen, que citou um plano de "semiconfinamento seletivo" nas três principais cidades do país.

"Seguindo as recomendações que recebemos das autoridades, preparamos no fim de semana um semiconfinamento seletivo e geográfico", indicou a chefe de governo em vídeo publicado nas redes sociais esta noite.

As medidas serão aplicadas nas regiões mais afetadas do país: Copenhague e arredores, Aarhus (oeste) e Odense (centro). "Temos que controlar a infecção até o Natal", declarou a premier, depois que a Dinamarca anunciou um recorde de 1.745 casos diários.

À exceção dos territórios autônomos Groenlândia e Ilhas Faroe, onde ainda não houve óbitos, o país, de 5,8 milhões de habitantes, já registrou 90 mil casos e 885 mortos pela Covid-19.

hdy/map/bc/gma/lb

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?