Navigation

Dois mortos em tiroteio no centro de Zurique

A polícia chegou no local do crime, ao lado da estação central de Zurique, logo após as 14:30, e fechou o perímetro para averiguação Keystone

A polícia encontrou dois corpos na calçada após um tiroteio na Lagerstrasse, em frente à estação central de Zurique. Nenhuma informação foi dada sobre a identidade das vítimas, nem sobre as circunstâncias. 

Este conteúdo foi publicado em 23. fevereiro 2018 - 16:27
swissinfo.ch

A polícia fechou a quadra para que a polícia técnica possa buscar mais pistas sobre o crime. Segundo relatos de testemunhas e do jornal 20Minuten, era pouco depois das 14:30 quando cinco tiros foram ouvidos. Quando as equipes de resgate chegaram ao local, encontraram dois corpos, de um homem e de uma mulher, um deles já morto e a outra pessoa gravemente ferida, mas que logo sucumbiu aos seus ferimentos.

Segundo a polícia, a situação está sob controle e não há perigo para o público. Todavia não se sabe nada sobre a identidade ou antecedentes do crime, diz Judith Hödl, porta-voz da polícia da cidade de Zurique.

As testemunhas oculares relatam o tiroteio: "Ouvimos cinco tiros durante nossa aula", disse uma pessoa ouvida pelo 20Minuten. Quando olharam pela janela, viram duas pessoas imóveis no chão em frente à agência do banco UBS. Ao lado de um dos corpos havia uma pistola. Desconfia-se de crime passional.

Outra testemunha ocular diz que um homem que fumava na calçada teve que se jogar no chão para escapar  dos tiros quando o atirador saiu da filial do UBS. Aparentemente, o agressor começou a disparar de dentro da agência. As pessoas que estavam no banco se esconderam no banheiro.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.