Perspectivas suíças em 10 idiomas

Suíça deve reavaliar candidatura ao Conselho de Segurança da ONU

SC
A Suíça terá um assento no Conselho de Segurança ou a preocupação com a neutralidade vai cortar suas ambições? Keystone / Jason Szenes

O Partido Popular Suíço quer que o Parlamento reconsidere a candidatura da Suíça ao Conselho de Segurança da ONU durante uma sessão extraordinária.

O Parlamento debaterá novamente a candidatura da Suíça a um assento não permanente no Conselho de Segurança da ONU pouco antes da eleição pela Assembleia Geral da ONU, agendada para junho de 2022. Um pedido do Partido Popular para uma sessão extraordinária sobre o assunto foi revelado no domingo na imprensa suíça e posteriormente confirmado por Franz Grüter, presidente da Comissão de Política Externa do partido.

Duas moções apresentadas pelo Partido Popular Suíço em dezembro passado, pedindo ao governo que se abstenha de solicitar um assento no Conselho de Segurança, deverão ser debatidas durante esta sessão. A discussão deve ocorrer antes das eleições em Nova York, ressaltou Grüter.

De acordo com o parlamentar, uma cadeira no Conselho de Segurança enfraqueceria o papel da Suíça como mediadora, o que é “extremamente importante”. Este papel ficou evidente, tanto nas recentes conversações de Genebra entre o Ministro das Relações Exteriores russo Sergei Lavrov e o Secretário de Estado norte-americano Antony Blinken, quanto na reunião presencial em junho do ano passado entre os presidentes Joe Biden e Vladimir Putin.

A decisão sobre se a Suíça ocupará pela primeira vez uma das dez cadeiras não permanentes do influente órgão da ONU para o período 2023-2024 será tomada em Nova York em junho. As chances de ser eleita são boas. Até agora, apenas Malta anunciou sua candidatura para os dois assentos vagos no Grupo Regional Ocidental.

Mostrar mais

Os mais lidos
Suíços do estrangeiro

Os mais discutidos

Notícias

aeroporto

Mostrar mais

Aeroporto de Genebra cobrará taxa de atraso em 2025

Este conteúdo foi publicado em O Aeroporto de Genebra pretende lançar um sistema de cotas de poluição sonora no próximo ano. Os voos que partirem após as 22h terão que pagar uma taxa.

ler mais Aeroporto de Genebra cobrará taxa de atraso em 2025
imagem

Mostrar mais

Suíços não se preocupam em perder empregos para a IA

Este conteúdo foi publicado em A inteligência artificial (IA) está influenciando a vida profissional cotidiana. Na Suíça, muitas pessoas já têm experiência com IA, inclusive em seus empregos.

ler mais Suíços não se preocupam em perder empregos para a IA

Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Mostrar mais: Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch.

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR