Navigation

Farmacêutica Aspen acelera produção de dexametasona, eficaz contra coronavírus

Gigante sul-africano do setor farmacêutico Aspen Pharmacare vai acelerar produção de dexametasona afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 19. junho 2020 - 14:47
(AFP)

A empresa farmacêutica sul-africana Aspen Pharmacare disse, nesta sexta-feira (19), estar disposta a "acelerar" sua produção de dexametasona, um potente corticoide, considerado eficaz para tratar os doentes mais graves de COVID-19.

"Somos capazes de acelerar a produção, se a demanda exigir", disse à AFP um dos diretores do grupo responsável por sua comercialização, dr. Stavros Nicolaou.

"Sempre estamos avaliando qual pode ser a demanda mundial" deste medicamento - acrescentou - "e, claramente, se aumentar muito, teremos dificuldades".

Os responsáveis pelo ensaio clínico britânico Recovery anunciaram, na terça-feira, que a dexametasona reduzia os falecimentos em um terço entre os pacientes sob ventilação mecânica, e em 20% os que estavam menos gravemente afetados, com oxigênio, ou intubados.

A dexametasona é fabricada na forma de comprimidos em uma planta em Aspen, na Alemanha, e também na forma de injeções, produzidas em vários países por meio de acordos comerciais.

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.