Navigation

Shoppings reabrem no Uruguai, que segue achatando a curva de COVID-19

Funcionário de saúde mede a temperatura de mulher que entra em um shopping de Montevidéu afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 09. junho 2020 - 18:56
(AFP)

A maioria dos shoppings do Uruguai reabriu as portas nesta terça-feira (9) sob um rigoroso protocolo de saúde, mais um passo em direção à "nova normalidade" e enquanto o país continua a achatar a curva de casos de COVID-19.

"Parece-me muito bom que tudo volte aos poucos, já que os números estão bons", disse à AFP Marta Arredo ao chegar ao shopping de Punta Carretas, bairro costeiro de Montevidéu onde mora, portando a máscara exigida e depois de passar pelos controles de entrada.

Por volta das 13H00 locais, uma tela indicava que havia 1.109 clientes passeando pelo estabelecimento e que ainda poderia receber outros 3.891, o máximo permitido.

Todos os centros comerciais colocaram tapetes higiênicos, recipientes de álcool em gel de uso obrigatório e câmaras termográficas em suas portas. Se a temperatura de um cliente ultrapassar os 37°C, será proibido de entrar.

Segundo o protocolo acordado com as autoridades de saúde, a roupa que for tocada ou provada pelos clientes deverá ser desinfetada com vapor de água ou isolada por 48 horas. Já os provadores deverão ser usados intercaladamente e desinfetados após cada uso.

Apenas os shoppings de Rivera permanecerão fechados por enquanto, onde preocupa a situação da fronteira com o Brasil.

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.