Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Suíça festeja classificação para a Copa 2010

Jogadores suíços festejam a classificação para a Copa na África do Sul.

(Keystone)

Com um empate sem gols com Israel, na noite desta quarta-feira (14/10), em Basileia, a seleção suíça garantiu sua classificação direta à Copa do Mundo do próximo ano na África do Sul.

A partida foi marcada pelo nervosismo e por um festival de cartões amarelos (nove). É a quarta vez consecutiva que a Suíça se classifica para um grande torneio de futebol - a nova vez em sua história para um Mundial.

Após uma impressionante série de seis vitórias e um empate, a classificação é a coroação de um ano e meio de trabalho do técnico alemão Ottmar Hitzfeld diante da equipe suíça e mais um marco na sua brilhante carreira de treinador.

A "decisão" em Basileia não foi uma festa nem um show de futebol e sim uma prova de nervos para os jogadores e torcedores.

Durante os 90 minutos, a "Nati" - como a seleção é chamada na Suíça - lutou contra uma resistente equipe israelense. Apenas em alguns momentos correu o risco de não levar para casa o único ponto necessário à classificação.

A Suíça começou o jogo atacando, como pedira Hitzfeld, e logo criou as primeiras chances de gol. A defesa, porém, parecia nervosa. Aos 11 min, Israel levou pela primeira vez perigo ao gol de Wölfli, que substituiu o goleiro titular Benaglio (gripado).

Mais garra do que técnica



Depois dos 15 minutos, a equipe da casa se tranquilizou um pouco, passou a pressionar o adversário de forma mais controlada, mas continuou cometendo muitos erros nos passes e pecando por falta de precisão nas conclusões.

Os torcedores mostraram paciência e incentivaram a equipe incessantemente. Aos 33min, numa boa cobrança de falta por Barnetta, a bola passou raspando no ângulo direito da meta israelense, mas o grito de gol ficou apenas na garganta.

Até o intervalo, ninguém na equipe suíça – e nas arquibancadas ou na frente da TV – podia se dar por satisfeito. O ansiado gol para acabar de vez com o nervosismo da seleção helvética não saía. Israel jogava duro e não presenteava nada.

No segundo tempo, a cena se repetiu e não houve movimentação no marcador. A Suíça não soube aproveitar sua superioridade numérica em campo, nos últimos 30 minutos (após a expulsão do israelense Yadin), para converter uma de suas poucas chances em gol.

A tensão continuou até o final da partida. Mas o empate em 0 a 0 garantiu a classificação direta da Suíça para a Copa do Mundo 2010. Apesar de ter derrotado Luxemburgo por 2 a 1, a Grécia ficou em segundo lugar do Grupo 2 e vai para a repescagem.

Primeira meta cumprida

Após o apito final no estádio Sankt-Jakob Park, em Basileia, os jogadores festejaram no gramado, enquanto a euforia nas arquibancadas era bastante contida. Demorou alguns minutos até a torcida do pequeno país alpino acreditar que sua seleção estava classificada para a próxima Copa.

O técnico Ottmar Hitzfeld aparentemente nunca duvidou disso e cumpriu sua primeira meta diante da seleção suíça. "Sempre acreditei que a Suíça poderia atingir essa meta. Agora vamos jogar na África do Sul contra as melhores equipes do mundo", disse depois do jogo.

É a quarta participação consecutiva da Suíça em um grande torneio de futebol, depois das Eurocopas de 2004 e 2008 e da Copa 2006, e a nona classificação em sua história para um Mundial. Levando em conta os limitados recursos humanos do país nesse esporte, isso é um grande sucesso.

swissinfo.ch, Geraldo Hoffmann

Suíça 0 x 0 Israel

Data: 14/10/09
Local: Sankt-Jakob Park (Basileia)
Público: 38.500 pagantes
Árbitro: Alexandru Tudor (Romênia)

Suíça: Wölfli; Lichtsteiner, Grichting, Senderos, Spycher; Padalino, Inler, Fernandes, Barnetta; Nkufo, Derdiyok (70. Frei).
Técnico: Ottmar Hitzfeld

Israel: Aouate, Saban, Ben Haim, Strool, Ziv, Kayal, Colautti, Barda, Yadin, Benyaoun, Cohen.
Técnico: Dror Kashtan

Cartões amarelos: 25. Padalino (SUI), 34. Yadin (ISR), 45. Inler (SUI), 47. Kayal (ISR), 62. Ziv (ISR), 66. Collauti (ISR), 66. Fernandes (SUI), 71. Lichtsteiner (SUI).

Expulso: Yadin (ISR), aos 15min do 2°TP, depois de levar o segundo cartão amarelo seguido de vermelho.

Aqui termina o infobox

Classificação

Classificação final do Grupo 2 das eliminatórias, após dez rodadas (pontos):

1° Suíça (21)*
2° Grécia (20) **
3° Letônia (17)
4° Israel (16)
5° Luxemburgo (5)
6° Moldávia (3)

* classificada
** repescagem

Aqui termina o infobox

Suíça na Copa

A Suíça classificou-se pela nova vez para uma Copa do Mundo de Futebol:

1934 - Itália
1938 - França
1950 - Brasil
1954 - Suíça
1962 - Chile
1966 – Inglaterra
1994 - EUA
2006 – Alemanha
2010 - África do Sul

Aqui termina o infobox


Links

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

×