Cruzando os Alpes no Neolítico

Kanton Zug

Será que Ötzi, o Homem do Gelo, tem parentes suíços? Uma descoberta arqueológica na Suíça aponta para ligações significativas entre as regiões norte e sul dos Alpes há 5.000 anos.

swissinfo.ch and agencies, swissinfo.ch/fh

Durante anos, os arqueólogos estudam uma lâmina de cobre encontrada no sítio arqueológico de Riedmatt, no cantão de Zug, em 2008. Provavelmente ela foi colocada na água como oferenda há cerca de 5.000 anos atrás.

Esta semana, após pesquisas na Universidade de Berna, foram anunciados resultados surpreendentes: a forma e o material da lâmina são praticamente idênticos aos que foram usados por povos neolíticos mais ao sul, entre eles o Ötzi, o Homem do Gelo de 5.000 anos encontrado nos Alpes italianos em 1991.

O que isso significa, segundo os pesquisadores, é que ao contrário do que se supunha, o uso do cobre no norte dos Alpes há 5.000 anos atrás estava fortemente ligado e influenciado pelas práticas mais ao sul.

Na verdade, eles agora assumem que a lâmina de Riedmatt teria realmente viajado para o norte a partir do sul da Toscana, assim como a encontrada com o esqueleto mumificado de Ötzi, na fronteira entre a Itália e a Áustria.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo