Perspectivas suíças em 10 idiomas

Recursos naturais esgotados para 2019

Em apenas cinco meses de 2019, a humanidade já consumiu mais do que o planeta pode produzir de forma sustentável em um ano. Os suíços usam mais do dobro.

Nos últimos 20 anos, o Dia da Sobrecarga da Terra avançou dois meses, para 29 de julho, a data mais recuada desde que o défice ecológico começou no início da década de 1970, de acordo com a Global Footprint NetworkLink externo. “Isto significa que a humanidade está atualmente usando a natureza 1,75 vezes mais rápido do que os ecossistemas do nosso planeta podem regenerar, equivalente a 1,75 Terras”, observa a organização internacional de sustentabilidade.

Se todos vivessem um estilo de vida suíço, a humanidade exigiria cerca de três Terras, ressaltou a seção suíça da organização ambientalista WWFLink externo no domingo (28).

Segundo o WWF, o consumo de alimentos na Suíça é responsável por 19% das emissões de gases de efeito estufa e 28% da poluição ambiental privada. Aqueles que comem carne apenas três vezes por semana podem reduzir sua pegada ecológica em um quinto na área de alimentos, sugere o WWF.

Emissões de CO2 e compensação

O WWF também cita a popularidade das viagens aéreas como principal contribuinte para as emissões de CO2; diz que as pessoas na Suíça voam cerca de três vezes mais do que os outros europeus.

No entanto, de acordo com o jornal Le Matin DimancheLink externo, os suíços têm contribuído mais para os sistemas de compensação de emissões de CO2. No primeiro semestre deste ano, eles doaram cerca de 400% a mais do que no mesmo período do ano passado.

No domingo, o jornal citou dados da organização suíça de compensação de CO2 myclimateLink externo, que gerou receitas totais de 1,6 milhão de francos (US$1,61 mi) em 2018. O dinheiro apoia projetos na Suíça e em 22 países da África, Ásia e América Latina.

Mostrar mais
cans being swept up

Mostrar mais

Medidas simples em prol do meio-ambiente

Este conteúdo foi publicado em Uma lata de lixo sempre parece estar muito distante quando você está com pressa. O mesmo vale para deslocamentos: se é possível ir a um lugar de ônibus, por que não pegar um avião e economizar algumas horas? É um pensamento muito comum. Mas o que aconteceria se os 8,5 habitantes da Suíça adotassem práticas…

ler mais Medidas simples em prol do meio-ambiente

swissinfo.ch/fh

Notícias

Imagem

Mostrar mais

Mercado brasileiro de café atrai Nestlé

Este conteúdo foi publicado em Por meio de sua marca Nescafé, a empresa está focando especialmente nas necessidades e desejos do mercado jovem.

ler mais Mercado brasileiro de café atrai Nestlé
Imagem

Mostrar mais

FIFA abre portas para sair da Suíça

Este conteúdo foi publicado em A entidade máxima do futebol internacional lançou as bases formais para uma saída teórica de sua sede em Zurique.

ler mais FIFA abre portas para sair da Suíça
Imagem

Mostrar mais

Suíça introduz banco de dados para passageiros aéreos

Este conteúdo foi publicado em A Suíça planeja introduzir um banco de dados para os passageiros de voos para coletar e processar dados pessoais em uma tentativa de combater o terrorismo e crimes graves.

ler mais Suíça introduz banco de dados para passageiros aéreos

Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Mostrar mais: Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch.

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR