Navigation

Milionários na Suíça continuam em alta

A Suíça abriga o quarto maior número de famílias milionárias em dólares, segundo um relatório do Boston Consultancy Group (BCG). Em todo o mundo, o número desses milionários continua a aumentar.

Este conteúdo foi publicado em 20. junho 2019 - 13:00
Um milhão de dólares na Suíça não dá para comprar uma mansão, mas já é um bom começo © Keystone / Urs Flueeler

Existem agora cerca de 500.000 famílias milionárias na Suíça, segundo o BCG, colocando os suíços em quarto lugar, atrás dos EUA (cerca de 15 milhões), China (1,3 milhão) e Japão (1,1 milhão).

Isso marca um crescimento constante do patrimônio na Suíça: em 2016, o número de famílias milionárias era de 358.500, a sétima no mundo, de acordo com o World Wealth ReportLink externo.

Outros relatórios também mostram que o número de "multimilionários" (com um patrimônio de US$ 5 milhões ou mais) também está aumentando, enquanto a Suíça continua desfrutando da maior média patrimonial do mundo.

Globalmente, o relatório do BCG, divulgado na quinta-feira (20), disse que o ano passado tinha visto um aumento de 2% no número de milionários em dólar; há agora 22,1 milhões deles. Também descobriu que, em geral, apenas 0,02% da população mundial detém metade da riqueza global.

No entanto, o relatório também previu mudanças na próxima década, principalmente na África e na América do Sul, onde o número de milionários deverá aumentar acentuadamente - 10% e 9%, respectivamente.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.