Perspectivas suíças em 10 idiomas

Suíça pede maior compromisso climático na COP26

Guy Parmelin at UN Climate Change Conference
O presidente suíço Guy Parmelin fez um apelo à ação na Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática em Glasgow. Keystone / Andy Buchanan

O Presidente suíço Guy Parmelin apelou a todos os países para renovar os esforços para cumprir as metas climáticas delineadas há seis anos pelo Acordo de Paris.

Em discurso na Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática COP26 em Glasgow, Escócia, na segunda-feira, Parmelin disse que o aquecimento global já atingiu níveis críticos.

“Uma criança nascida em meu país hoje experimentará quatro vezes mais eventos extremos [climáticos] em sua vida do que seus avós. Esta criança experimentará cinco vezes mais ondas de calor do que eu”, disse ele aos líderes globais. “Como um país alpino, a Suíça é particularmente afetada pela mudança climática”.

Parmelin, que detém a presidência rotativa da Suíça este ano, referiu-se ao derretimento das geleiras e do permafrost que estão tornando as cordilheiras alpinas instáveis.

“Temos que retomar o caminho para limitar o aquecimento global a 1,5 graus, temos que estabelecer regras robustas para implementar o acordo, e finalmente levantar os fundos para tornar nosso objetivo comum uma realidade”, disse Parmelin.

“Hoje a Suíça reafirma seu compromisso de reduzir pela metade suas emissões de gases de efeito estufa até 2030, de acordo com as recomendações científicas. A Suíça também se comprometeu com a neutralidade climática até 2050”.

Mostrar mais

Críticas

Entretanto, a Suíça tem sido criticada por não ter ido suficientemente longe em seus compromissos. Se todos os países seguirem o caminho da Suíça, a temperatura do planeta poderá aumentar quatro graus Celsius até o final do século, argumentam alguns críticos. 

Parmelin disse que a Suíça continuaria a contribuir com milhões de francos adicionais para os fundos que financiam projetos de mudança climática nos países em desenvolvimento.

O planeta já aqueceu cerca de 1,1 graus Celsius em comparação com os níveis pré-industriais. Em Paris, seis anos atrás, a comunidade internacional concordou em limitar o aquecimento global a um máximo de dois graus, de preferência 1,5 graus.

Até agora, os planos apresentados pela maioria dos países são amplamente criticados por não chegarem nem perto o suficiente para atingir este objetivo.

Preferidos do leitor

Os mais discutidos

Notícias

aeroporto

Mostrar mais

Aeroporto de Genebra cobrará taxa de atraso em 2025

Este conteúdo foi publicado em O Aeroporto de Genebra pretende lançar um sistema de cotas de poluição sonora no próximo ano. Os voos que partirem após as 22h terão que pagar uma taxa.

ler mais Aeroporto de Genebra cobrará taxa de atraso em 2025
imagem

Mostrar mais

Suíços não se preocupam em perder empregos para a IA

Este conteúdo foi publicado em A inteligência artificial (IA) está influenciando a vida profissional cotidiana. Na Suíça, muitas pessoas já têm experiência com IA, inclusive em seus empregos.

ler mais Suíços não se preocupam em perder empregos para a IA

Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Mostrar mais: Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch.

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR