Navigation

Paris começará testes com táxis voadores em 2021

Presidente da região Ile-de-France, Valerie Pecresse (D) e CEO da Ratp Catherine Guillouard (E) escutam explicação de Florian Reuter, CEO da start-up alemã Volocopter GmbH, a bordo do táxi aéreo do Volocopter afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 30. setembro 2020 - 17:32
(AFP)

Paris fará testes a partir de 2021 com táxis voadores em situação real, com a perspectiva de fazer uma demonstração nos Jogos Olímpicos de 2024, anunciaram as autoridades da capital francesa nesta quarta-feira (30).

O veículo elétrico VoloCity com implantação vertical do fabricante alemão Volocopter foi escolhido para realizar os primeiros testes na região de Paris para o lançamento desses aparelhos em um ambiente periurbano e aeronáutico.

Os testes serão realizados no aeródromo Pontoise-Cormeilles-en-Vexin, 35 km ao norte de Paris.

Os testes também precisarão da aceitação por parte dos residentes locais, de procedimentos de segurança e manutenção.

"Todo o ecossistema será testado", explicou Edward Arkwright, Diretor Executivo do ADP Group, parceiro do projeto.

O VoloCity, que é totalmente elétrico, está equipado com 18 motores e nove baterias. Pode levar duas pessoas, incluindo um piloto. Voa a 110 km/h, a uma altitude de 400 a 500 metros e com um alcance de 35 km.

A aeronave está em processo de validação pela Agência Europeia de Segurança (AESA), explicou Fabien Nestmann, um dos gerentes do Volocopter, acrescentando que o fabricante esperava tê-la aprovada pelo regulador europeu em "dois ou três anos".

Seu lançamento não está previsto antes de 2030.

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.