Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Cidade usa vt para vigiar lixeira

A dissuasão é também arma utilizada para "educar" os refratários.

(Keystone)

Para prevenir abusos, cidade suíça instalou câmaras de vt em locais de "coleta diferenciada" de lixo: vidro, plástico, papel, alumínio, etc. Aparecia nos locais quantidade de objetos para os quais existe regulamentação especial: televisores, geladeiras...

A utilização de câmaras foi o último achado da cidade suíça de Winterthur, importante centro industrial perto de Zurique, para tentar acabar com o abandono nas lixeiras de quantidade impressionante de objetos de todos os tipos - desde pneus e baterias de carro, material eletrônico de escritório, eletro-domésticos, até geladeiras.

A prefeitura de Winterthur chegou a contar cerca de oito mil objetos diferentes que totalizavam uma tonelada por dia. A eliminação dessa montanha de lixo "ilegal" vinha custando quase 70 mil dólares por ano à cidade.

O sistema de vigilância é bastante engenhoso. Há duas instalações de vt que filmam todo movimento no local e as placas dos carros que lá estacionam. Um cartaz avisa que existe o sistema e outro, em várias línguas, tenta convencer as pessoas a não se tornarem ovelhas negras (foto).

Os infratores podem pagar multa que varia de 50 a 1500 francos - de cerca de 30 a 900 dólares.

Na Suíça,Winterthur não inova com esse sistema que já existe em outros lugares, mas é a primeira cidade importante a adotá-lo. As autoridades o consideram legal porque pode ser contestado juridicamente (um recurso já foi rejeitado), os vt são utilizados unicamente para o fim a que estão previstos e são destruídos um ano depois...

A propósito, geralmente é minuciosamente regulamentado na Suíça a eliminação de aparelhos eletrodomésticos e aletrônicos. Um exemplo: uma comuna da cidade do Estado de Friburgo (Villars-sur-Glâne) cobra Fr. 1,10 por kg (0,67 centavos de dólares) para eliminar eletrodomésticos e Fr. 1,60 por kg (0,97 de dólares) para aparelhos eletrônicos de divertimento: tv, radios, aparelhos de som, etc. Eliminar uma geladeira média custa mais de 30 dólares...

swissinfo com agências.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.